sexta-feira, 31 de janeiro de 2014

AS MÃES NÃO MORREM, ELAS VIRAM "ANJOS" DE "DEUS"

É como se o vento suspirasse baixinho em nossos ouvidos e dissesse, Ei , tu podes me ouvir?Eu preciso leva-la comigo, para um passeio triunfal e inigualável. Eu e tua mãe faremos uma viajem sem volta, uma viajem divinal. Voaremos por ai, intercalados a emoção do azul do céu e criaremos asas azuis.Voaremos na cauda de um cometa, no brilho reluzente de uma estrela e subiremos no mais alto dos degraus para um encontro sagrado. # ENCONTRO COM O "PAI".
Filho amado,caso ainda não saiba quem eu sou, me chamo vento:
Vento da saudade
vento da bondade
vento da perda
vento ...
"DO ESPÍRITO SANTO"
Quem disse que as mães morrem?
Não elas não morrem, elas viram "ANJOS"
"ANJOS DE...
DEUS"